CachorrosGatos

Vai ser mamãe? Cuidados necessários para gravidez de cães e gatos

Gravidez de cães e gatos

Fazer o pré-natal, ter uma alimentação adequada, evitar estresse e diminuir o esforço físico são cuidados para que a gravidez de cães e gatos seja saudável.

Abdome crescendo, mamas ficando repletas de leite e o instinto materno se aflorando. Sim, estamos falamos da gestação de nossos queridos pets.

A preocupação com a gravidez de cães e gatos começa desde seu primeiro período da gestação.

Assim que os donos dos pets desconfiarem que suas fêmeas estejam gestantes é preciso levá-las para uma consulta de pré-natal, sim isso existe! É através dos exames realizados nos pré-natais que é possível analisar em qual fase se encontra a gestação e como anda o desenvolvimento do feto.

O ideal é que se faça um exame de ultrassom após o primeiro mês de gravidez, repetindo a cada 15 dias, evitando assim intercorrências pré-parto.”

A confirmação da gestação poderá ser feita entre 20 a 30 dias após a cruza, através do exame de ultrassonografia abdominal. Durante toda a gestação, as fêmeas devem ser privadas de situações de estresse e de grande esforço físico.

É importante lembrar que os exercícios leves como pequenas caminhadas são recomendados, assim como, oferecer ração especial, que é mais rica em proteínas e sais minerais e vitaminas próprias para este período.

Cantinho Especial

À espera do nascimento dos filhotes em casa pode ser muito emocionante, mas é preciso estar atento e proporcionar a mamãe, além de muita atenção e carinho, um cantinho especial para a chegada de seu parto.

Uma caixa maternidade proporciona às mamães a sensação de proteção e conforto para filhotes, e garante também que o animal prenhe possa ter uma espécie de um porto seguro para cuidar de sua cria nas primeiras semanas de vida.

A caixa pode ser comprada ou até mesmo confeccionada pelos próprios donos dos pets, basta apenas se atentar ao tamanho para que fiquem confortáveis dentro dela.

Preparação para o parto

A gestação na espécie canina dura aproximadamente de 58 a 62 dias, já dos felinos pode durar em média 65 dias. É nesse período que elas necessitam de alguns cuidados essenciais para ter um parto tranquilo, com filhotes fortes e saudáveis.

Os banhos podem ser dados normalmente até uma semana antes do parto, porém, se a cadela tem hábito de se agitar muito durante o banho, é aconselhado diminuir a frequência ou até mesmo evitá-los.

Fatores estressantes na gravidez de cães e gatos podem desencadear o parto precoce. Deixe uma área segura e tranquila, de fácil acesso para a fêmea, longe de barulhos e correntes de ar. Já as gatas, neste período, ganham peso, ficam mais carinhosas, os mamilos ficam avermelhados e pode haver um discreto aumento das mamas.

Geralmente em cadelas de raças grandes a expulsão do filhote acontece com facilidade, já em cadelas de raças pequenas pode ser necessário a sua ajuda ou de um médico veterinário, normalmente a mãe lambe e rompe a bolsa em que o filhote esta envolvido e corta o cordão umbilical, lambe muito o filhote massageando para ativar a circulação e fazendo-o respirar e chorar, mas se ela não fizer, você deverá romper a bolsa e cortar o cordão deixando alguns centímetros, prefira cortar o cordão com as mãos, esgarçando como a mãe faz, assim evita o sangramento, seque com uma toalha e faça massagens com a toalha simulando a lambida da mãe.

Cuidados com o pós-parto

O cuidado com o pós-parto de uma cadela ou gata é fundamental. O primeiros passo é cuidar da sua higiene pessoal depois do parto e da cama em que for descansar com os seus filhotes. Durante o pós-parto, as fêmeas devem ser separadas de outros animais adultos que possam transmitir doenças ou parasitas, além de agressões físicas.

Durante esse período pós-parto as mamas podem desenvolver mastite, é importante que seja acompanhado pelo médico veterinário, para que mãe e filhos possam desenvolver uma vida saudável, incluindo também um esquema de vacinação para os filhotes.

Os filhotes nascem com os olhos fechados, os quais só irão abrir entre 12 e 15 dias de vida.

A presença da mãe é o que sustenta os filhotes quando eles nasceram. Eles não devem ser separados da mãe sob nenhuma circunstância durante este período crítico.

A mãe precisa ter tempo para descansar com seus filhotes sem perturbações. Ela irá fornecer nutrientes de seu leite para promover um sistema imunológico saudável.

Gravidez de cães e gatos
Gravidez de cães e gatos

A alimentação normalmente ocorrerá a cada duas a três horas para cachorros e eles são incapazes de comer alimentos sólidos até que tenham pelo menos quatro semanas de idade. Filhotes entre quatro e oito semanas podem comer uma mistura de alimentos secos e leite e então podem mudar para alimentos sólidos completamente após esse período. Se a mãe não estiver presente, é recomendável que entre em contato com um veterinário para um substituto aceitável para o leite, uma vez que o leite humano não é apropriado para cachorros.

Fonte: trechos por Denise Jorge G1.globo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *